resolução, acto ou efeito de resolver

Começa um novo ano, marcado por mais dificuldades e incertezas, anunciadas sob o nome da crise. Começa mais um ano, o de 2013, que apesar da conjuntura negativa (ou será por causa dela?) me faz sentir a necessidade de transformação.

1. dar nova vida ao adormecido “no estendal”

2. ser mais organizada para que sobre mais tempo para o que realmente importa

(a minha família, amigos, e para mim própria)

3. comer de forma mais saudável e atacar os quilinhos a mais

(exercício físico incluído aqui);

Estas são as minhas resoluções para este novo ano. Acredito que possam constar da lista de muitos, por isso vou registando aqui os passos desta “caminhada”. Acompanhem-me :)

Trackbacks

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *